Um dos melhores trios que já vi tocar, atualmente na sua terceira formação e tendo lançado no ano passado um disco em comemoração aos seus 20 anos.

Hoje a formação é Tio Joca, Aluízio e Zito, mas esse disco é da época do início do trio, ainda na sua primeira formação. Sanfonas de Oswaldinho do acordeon.
‘O Trio Sabiá nasceu em São Paulo, no final de 1985, mais precisamente no lendário Forró do Pedro Sertanejo, na Rua Catumbi, 183, bairro do Brás. A iniciativa foi do baiano João Davi Cruz, que cantava na casa e resolveu convidar João Oliveira de Almeida, o Tio Joca, irmão de Pedro, para formar um trio. Tio Joca relutou, mas acabou aceitando o convite e convidaram também outro baiano, José Miranda de Lima, o Roxinho, para tocar zabumba. Esse trio, que ainda não tinha nome começou se apresentando no Forró do Pedro. Em seguida gravaram um tape, que o cantor e compositor Geraldo Nunes encaminhou para a gravadora Arca, editar um LP e lançar o Trio no mercado. Voltaram para a Bahia e começaram a se apresentar em várias regiões do nordeste. Neste período foram gravados quatro LPs, dois deles pela gravadora Arca e dois pela Pipoco, com a distribuição feita pela gravadora Continental.