PÃODEMIA |Criatividade e sabor sem sair de casa: e-book ensina a fazer pães coloridos

A jornalista e padeira Camila Ribeiro lança, pela plataforma digital do Atelier Gourmand, o e-book que ensina a fazer pães artesanais coloridos.

Camila Ribeiro

São Paulo, 18 de janeiro de 2021 – Durante a quarentena, a busca pelo termo “como fazer pão” teve um aumento de 72%. Inspirados por ter mais tempo em casa, muita gente resolveu botar a mão na massa de verdade. Para alguns, a incursão se tornou um hobby de fim de semana; outros, vestiram a camisa de ‘padeiro’ e se aventuraram pelas receitas, passando a vender pão por aí. Esses comportamentos deram origem a uma verdadeira “pãodemia”. Na percepção da jornalista e padeira Camila Ribeiro, o produto sempre encantou a humanidade e foi ganhando características próprias a cada contexto social. Hoje, por exemplo, nada mais contemporâneo do que os pães coloridos e saudáveis – tema do e-book que ela está lançando pela plataforma digital do Atelier Gourmand.

“A mistura de água e farinha resulta em um dos alimentos mais antigos do mundo: o pão. E é algo unânime por aí: todo mundo gosta de pão. Nem por isso ele tem de ser consumido sempre da mesma maneira. Dá para criar infinitas receitas e experimentar adicionar ingredientes, como vegetais e frutas, para dar mais cor e sabor aos pães de todo dia. Pensando nisso, elaborei receitas de pães coloridos, em formatos diferentes, rústicos, feitos com fermento natural. As possibilidades são infinitas”, afirma Camila, acrescentando que quem entrou nessa onda de fazer pão em casa admite que virou mais do que um bom negócio, mas uma terapia também.

 

No e-book, suco de beterraba, pó de cacau, purê de cenoura e uma colher de spirulina se tornam ingredientes para belas e saudáveis receitas. Camila – autora do perfil Bread Social Club – traz 18 receitas de pães de levain coloridos naturalmente. Camila conheceu os pães de fermentação natural em 2018, mas só no ano seguinte começou a fazê-los em casa para os amigos. Desde então, prepara pães e pizzas por encomenda, além de outras experiências com levain. Em 2019, criou o perfil @breadsocialclub no Instagram, como um lugar para #breadlovers de verdade. A proposta é conectar pessoas por meio do pão artesanal e ser um laboratório de pães de levain.  Foi assim que surgiu a ideia dos pães coloridos. É pão sempre, mas com algo diferente. Cada combinação, uma paleta de cores e de sabores.

No “cardápio” da Mesa Pães Coloridos, que acontece de 18 a 24 de janeiro de 2021, além das receitas de pães de levain da Camila, 30 outras receitas de chefs e especialistas como Marcella Tranchesi, Aline Galle e Rogerio Shimura; e dicas que prometem ampliar o conhecimento sobre os pães coloridos – de levain ou não. Dos ingredientes naturais aos artificiais, contando os prós e os contras de cada um e ainda um capítulo inteiro dedicado a dobras e modos de servir, combinando cores, texturas e sabores. Vídeo de uma das receitas do e-book: Pão de levain e cenoura, do Bread Social Club

Assista o vídeo  

 

Pães Coloridos

Total de Receitas: 49 | Páginas: 105

Aprenda a fazer o pão de cenoura e levain: https://www.youtube.com/watch?v=gPeArauigfY

Acesse o conteúdo e inscreva-se na mesa: https://tanamesa.com/ebook/paes-coloridos/

Preço do e-book: R$ 24 (cupom de 50%: pãescoloridos / até 25/1).

Instagram: @breadsocialclub

Por Betania Lins 

Edição: Leanderson morim ( Nordestinos Paulistanos )