Comunidade rural se une para recuperar nascente de importante rio da Bahia

Iniciativa ocorre na comunidade da Prata, no município de Entre Rios, e conta do apoio da Bracell

Moradores da Prata, na cidade baiana de Entre Rios, vêm resgatando um antigo sonho perdido com o desmatamento ilegal: o de ter a abundância de água que marcou a origem da comunidade, em 1930. “Os primeiros moradores cultivavam arroz devido à riqueza hídrica”, diz Maria José Almeida de Jesus, 45 anos, bióloga e presidente da associação de moradores local. Para alcançar novamente esta riqueza, eles realizam a recuperação da nascente de um dos afluentes do Rio Subaúma em parceria com a Bracell.

O trabalho de regeneração e sensibilização, que envolve de crianças a idosos da Prata, teve início em 2014 e já resultou no plantio de mais de 1.500 mudas nas matas ciliares, além da capacitação e apoio dado pela Bracell à comunidade. “A gente vem lutando, com a ajuda da empresa, para resgatar nossa nascente e, com o tempo, essa riqueza hídrica”, afirma Maria, que resolveu fazer o curso de biologia para compreender melhor e ajudar ainda mais a comunidade na preservação ambiental.

“A recuperação da cabeceira – que já é percebida pelos moradores, principalmente em período de seca –, é extremamente importante, porque garante mais uma fonte para as 82 famílias da comunidade, que atualmente precisam do poço artesiano para ter água em suas casas”, informa a bióloga.

Ela acrescenta ainda que o poço é dividido com uma comunidade vizinha e que, em período de escassez hídrica, os moradores recorrem aos pontos de água resultantes do trabalho da recuperação da nascente, como o existente próximo à sua casa. “Esta água é um bom exemplo do cuidado com este manancial”, pontua ela, que celebra o Dia Mundial da Água com a visão de que a comunidade terá dias melhores com a regeneração do afluente do rio Subaúma, que tem quase 100 quilômetros de extensão e divide os municípios de Alagoinhas e Aramari.

Múltiplas parcerias
Além do suporte e orientação oferecidos aos moradores da Prata, a Bracell já desenvolveu ações em outras 16 comunidades, mobilizando a população para a importância da preservação ambiental por meio de atividades educativas e mutirões de recuperação de matas ciliares e nascentes. Além disso, a empresa realiza parcerias com o poder público, instituições de ensino e comunidades para mapeamento das áreas a serem recuperadas.

O projeto atua na regeneração de mananciais das bacias dos rios Subaúma, Catu e Sauípe, localizados na região do Litoral Norte e Agreste baiano. Como resultado deste trabalho, já foram iniciadas a recuperação, entre 2017 e 2019, de cerca de 12 nascentes e matas ciliares, com o envolvimento de mais de 1.600 pessoas.

De acordo com Mouana Sioufi Fonseca, gerente de Relações Institucionais e Responsabilidade Social da Bracell, a atuação da empresa visa a preservar o meio ambiente e melhorar, consecutivamente, a qualidade de vida da população. “Seguramente, a Bracell é uma das que mais preserva nascentes e matas ciliares na região onde atua. Isso porque tem mais de 30% de suas áreas preservadas. E floresta preservada significa nascentes e córregos preservados. A água é de fundamental importância para todos: comunidade e empresa”.

Meryellen Baldim, coordenadora de Meio Ambiente e Certificações da Bracell, informa que a empresa possui em suas áreas aproximadamente 1.200 nascentes de rios mapeadas e que todas estão protegidas contra degradação: “Também monitoramos, há 18 anos, a microbacia do rio Farje. E os resultados indicam impacto zero na vazão e qualidade da água numa área de 125 hectares. Isso comprova o elevado grau de preservação destas áreas e contribui para evidenciar que o cultivo de eucalipto não afeta negativamente os cursos d’água, uma vez que as nascentes estão em trechos preservados intercalados com plantios florestais”.

Bracell
A empresa é uma das maiores produtoras de celulose solúvel e celulose especial do mundo, com duas principais operações no Brasil, sendo uma em Camaçari, na Bahia, e outra em Lençóis Paulista, em São Paulo. Além de suas operações no Brasil, a Bracell possui um escritório administrativo em Cingapura e escritórios de vendas na Ásia, Europa e Estados Unidos.

Redação Nordestinos Paulistanos 

Por Aline Porcina – Edelman SP