Como armazenar queijos corretamente?

Tirolez apresenta sete dicas que farão a diferença na qualidade e sabor do queijo após o primeiro consumo

Imagem do Vídeo

Quem ama queijo, sempre tem ao menos uma opção na geladeira, certo? Mas é importante saber que cada tipo requer armazenamento especial que, se feito do jeito errado, pode ocasionar na perda da sua maior característica: o sabor único. Por isso, na Escola do Queijo, um projeto da Tirolez no Youtube que visa tornar consumidores em especialistas em Queijos, há uma videoaula explicando como manusear e armazenar corretamente diversos tipos de queijos. Confira:

  1. Depois de abrir, nada de aproveitar o plástico da embalagem. Os queijos precisam ser armazenados em recipientes bem fechadinhos. Um bom exemplo é o Queijo Branco, que possui pouca gordura e, quando aberto, pode ser consumido em até 3 dias na geladeira, se armazenado em um pote limpo e bem fechado ou em uma queijeira.
  2. Não há a necessidade de lavar os queijos. O Queijo Minas Frescal, por exemplo, já está pronto para consumo.
  3. Para os queijos mais duros, como o Parmesão, é permitido guardar fora da geladeira, desde que estejam envolvidos por um pástico bem fechadinho. Para durar mais, o ideal é colocá-los em um pote dentro da geladeira.
  4. Já os queijos de mofo azul, como o Gorgonzola, devem ser armazenados em potes fechados, com um papel absorvente embaixo, evitando “melar” a crosta do queijo.
  5. Já os queijos amarelos, como o Gouda, devem ser mantidos na gaveta de legumes, por ser um local menos frio e mais úmido. Você também pode embrulhar esses queijos com filme plástico, papel de seda ou armazená-los em potes.
  6. Outra dica que serve para todos os queijos que estão armazenados na geladeira é que, para ficarem ainda mais gostosos, basta tirá-los da geladeira e deixá-los em temperatura ambiente por cerca de 40 minutos antes de consumir. Assim, os queijos recuperam o seu sabor original.
  7. Ah, você sabia que podemos congelar o queijo? É só embala-lo bem em um filme plástico. Em seguida, coloque uma etiqueta com o dia em que foi congelado e o tipo de queijo e, quando for consumí-lo, tire-o do congelador e coloque-o na geladeira para descongelar lá mesmo. Vale lembrar que queijos congelados duram até 3 meses, mas não podem passar disso. Além disso, o congelamento pode mudar a textura do seu queijo. E lembre-se: nunca descongele os queijos no micro-ondas!

Depois de tantas dicas, nada melhor do que colocá-las em prática na cozinha!

Sobre a Tirolez

Fundada há 40 anos, a Tirolez é uma das mais tradicionais marcas de laticínios do País. Com mais de 1.900 colaboradores, a empresa dispõe de seis fábricas e um Centro de Distribuição em São Paulo. Suas fábricas localizam-se em Minas Gerais (Tiros, Arapuá e Carmo do Paranaíba), em São Paulo (Monte Aprazível e Lins) e em Santa Catarina (Caxambu do Sul).

Os produtos Tirolez possuem grande aceitação no mercado brasileiro em razão da elevada qualidade e tradição. Tais características decorrem, entre outras causas, da qualidade do leite, do cuidado e do carinho que dedica a seus produtos durante todas as etapas de produção. O portfólio da empresa é composto por mais de 30 tipos de produtos e mais de 100 SKUs, que podem ser encontrados em todo o Brasil.

Redação Nordestinos Paulistanos

Por Ana Luíza Mousinho – Press à Porter